Roma é uma cidade aonde a História salta na sua frente a cada esquina. É impossível não ser surpreendido pelas inúmeras fontes, esculturas e ruínas que estão espalhadas pela cidade. E um grande barato da cidade é que andar a pé vai te levar a praticamente todos os lugares de interesse turístico. O Centro histórico, embora não seja exatamente pequeno, dá pra ser feito a pé. Basta ter um pouquinho de disposição. E se cansar ao longo do caminho, fique tranquilo pois acabar esbarrando numa das fontes de água potável dentre as várias que existem na cidade. Já havia ouvido falar que o bom de Roma é bater perna, mas só lá mesmo é que fui entender o porque. Faz muito mais sentido percorrer a cidade a pé do que via transporte público, claro que isso depende também de onde se está hospedado. Depois de ler um pouco as dicas do ViajenaViagem, acabamos escolhendo ficar no bairro do Trastevere que fica do outro lado do rio, em relação ao centro histórico de Roma, e tem uma vida noturna interessante com diversos restaurantes – que facilita muito a vida (acredite, depois de um dia inteiro batendo perna poder comer numa ótima trattoria, osteria ou ristorante a poucos passos do hotel, faz toda a diferença).
Escrito por Claudio Lemos