atlantis

Bora mergulhar!

Quando o ônibus estacionou para nos buscar na pousada, o relógio ainda nem havia passado das sete da manhã. Apenas um casal havia sido apanhado antes de nós, portanto ainda seria necessário algumas paradas em pousadas pelo trajeto até o porto do noronha para recolher os demais participantes do mergulho. Depois de alguns pit-stops, finalmente chegamos até o barco da Atlantis Divers que nos foi super recomendada e  também recomendamos caso você queira mergulhar lá. Aliás, não saia da ilha sem mergulhar!

diving

No batistmo o instrutor está sempre junto a você. É super seguro!

Nossa relação com o mergulho é recente. Em 2011, fizemos um batismo em Porto de Galinhas e aquilo foi quase uma revelação pra mim (a Claudia curtiu também mas ela ainda fica com um pouco de medo nos momentos pré-mergulho). Descemos apenas 5 ou 6m, algo que tranquilamente conseguiria fazer mergulhando em apnéia, mas com o cilindro não havia mais aquele pressa de voltar a superfície para pegar oxigênio. E pra quem é mais medroso, pode ficar tranquilo pois no mergulho de batismo você nunca está sozinho. Durante toda a duração do mergulho, o instrutor estará ou de mãos dadas contigo ou então lhe segurando pelo equipamento. É muito seguro mesmo. Lá embaixo d’água, eu tava feliz que nem criança vendo aquele monte de coral e peixes ao meu redor. Só faltava aparecer o Sebastian da Pequena Sereia pra cantar “Under the Sea”.

[youtube=http://youtu.be/s53RgPBZXr0?t=6s]

Fiquei encantado com o mergulho e me prometi em algum momento da vida fazer o curso completo de mergulho. Claro que é mais fácil prometer do que cumprir, né? Tanto é que ano passado quando estivemos no Caribe o curso de mergulho ainda estava no estado da promessa mesmo. Cheguei em Curaçao pilhadão para mergulhar de cilindro naquele mar azul turquesa cristalino, mas depois de mergulhar com snorkel entre peixes, tartarugas e polvos já estava tão impressionado e satisfeito que acabei desistindo de cilindro, preferindo economizar a grana do mergulho. Hoje já não sei dizer se foi a melhor opção…

De todo modo, por tudo que havia lido sobre mergulhos em Noronha  aliado ao mini-momento de snorkel no Sancho logo no nosso primeiro dia na ilha, já havia tirado qualquer sombra de dúvidas: não sairíamos de Noronha sem mergulhar de cilindro. A visibilidade de Fernando de Noronha é absurda, algo tipo 25-30metros podendo alcançar até 50m dependendo da época do ano. E por estar localizada bem no meio do Atlântico, a ilha acaba sendo rota de passagem de uma diversa fauna marinha ao longo do ano. Tartarugas, baleias, tubarões, moréias, golifinhos, xaréus, enfim um mundo subaquático a parte. Imperdível!

 

IMG_1382

Assim como tudo na ilha, o passeio é caro. Mas vale muuuito a pena! Nosso batismo saiu por R$380/pessoa, já incluindo o transfer ida-volta da pousada ao porto e os equipamentos de mergulho. Caso você tenha seu próprio kit de nadadeiras e snorkel, leve contigo pro barco. O batismo é feito em duplas, descendo dois instrutores cada um com um mergulhador. Cada mergulho dura meia hora a partir do momento em que se está lá embaixo. Enquanto isso, os demais mergulhadores aguardam no barco pela sua vez. Para quem leva o kit de nadadeiras e snorkel, pode ficar nadando nos arredores do barco antes e depois descer com o cilindro. Nós fomos a segunda dupla a descer. Lembra que falei do nervosismo da Claudia pré-mergulho? Ela já tava querendo desistir, enquanto vestíamos a roupa de mergulho e esperávamos nossa vez. Como levamos nosso kit de mergulho, aproveitamos o tempo de espera já dentro da água com o snorkel. Dava pra ver lá embaixo as outras duplas passeando com o cilindro. A visibilidade incrivel daquele mar deu uma tranquilizada na Claudia. Voltamos a bordo para colocar o cilindro, colete equilibrador e splash!

DSC08857

Tudo pronto!

 

DSC08855

Bora lá!

DSC08861

Enquanto descíamos, o instrutor checava toda hora se estávamos confortável e eu respondia ok enquanto tirava fotos daquele mar incrível. Há um serviço pago a parte de cobertura fotográfica do seu mergulho mas é uma pequena fortuna, então pelo bem de sua saúde financeira leve sua própria câmera a prova d’água e garanta suas fotos.

AAN_2924

IMG_1347

O selfie ficou meio prejudicado…

IMG_1340

Logo de cara encontramos um tubarão-lixa

IMG_1341

Tubarão nadando tranquilão…

IMG_1339

IMG_1342

IMG_1354

IMG_1358

IMG_1359

IMG_1377

É impressionante como o tempo passa rápido embaixo d’água, senti que nossos trinta minutos voaram ali embaixo. O lugar é tão lindo e cheio de vida que dá vontade de descer de novo assim que se volta a bordo. Bom, hora de renovar a promessa do curso de mergulho :)

Escrito por Claudio Lemos