Depois da minha primeira visita ao Chile, precisei aprender a me defender da aridez do clima de Santiago. Já falei disso nesse post aqui sobre como combater o clima seco. Não que seja infalível ou que vá te livrar 100% das agruras do ressecamento, mas alivia bastante.



Mesmo equipado com um kit hidratatório (gel nasal, soro e manteiga de cacau) ainda sofri com os efeitos do ar seco. Dessa vez, vai ver até por ser primavera o clima estava um pouco menos seco e o sabonete até fazia mini-espuma no banho. Mas a sensação de secura custa a passar, o lado bom é que acabamos bebendo mais água durante o dia. O baque de sair do calor tropical do Rio e chegar em Santiago afeta o sistema respiratório de qualquer pessoa, não dá pra evitar. Ainda estou com pigarro, mesmo uma semana depois de ter voltado. Não dê mole, leve contigo sprays pro nariz e protetor labial, e hidratantes corporais também porque o clima é implacável. Fica tudo ressecado.

 

Escrito por Claudio Lemos